Quem Somos

 

QUEM SOMOS

O projeto Raabe foi criado para valorizar o lar de mulheres que se encontram passando a violência Doméstica e familiar e que precisam de ajuda psicológica ou emocional. Muitos são os lares agredidos por parceiros que casaram para serem felizes. Hoje o que mais a mídia mostra são lares destruídos pela violência.

Nossa sociedade tem contribuído ao aceitar valores errados, desde tempos remotos. No papel  homemXmulher criou-se uma cultura de competição, e foi esquecido o respeito pelo ser humano.

A mulher por mais que queira alcançar objetivos, não pode esquecer que ela é mulher, feminina, delicada, que gosta de se cuidar.

A natureza do homem é prática e resistente, por ser homem a sua criação é de ser provedor.

Quando homem e mulher entenderem seu devido lugar, criarão dentro de si uma força de apoio e não uma muralha de problemas.

O projeto Raabe estende sua força a lares que também passaram a violência doméstica e hoje contam, como sobreviventes, como superaram, a maneira de não se igualar aos homens, mas sim somar com eles as suas diferenças, porém nunca serem desiguais.

Ninguém precisa competir dentro de casa, pois, por natureza, cada um encontrará o lugar para desenvolver seu papel apropriado. Basta usar a sua inteligência e uma vez, aflorando as diferenças, pelo menos um dê um passo atrás, assim saindo do ambiente contaminado, minutos depois sua consciência vale repensar.

Projeto Raabe em busca de vidas escuras, levando a luz necessária para alcançar um sobrevivente.

E-mail: http://www.projetoraabe.com

Contato Disque: (9) 5349-0505

Anúncios

10 Respostas para “Quem Somos

  1. como seria bom se todas as mulheres tivessem esse desejo de ajudar outras mulheres. parabens a vcs e principalmente a Deus que inspirou esse projeto.tenho muito desejo de participar de algum grupo que faça esse trabalho,mas enquanto não consigo fico torcendo por vcs.beijos muitos beijos e muitas oraçaoes para que tudo dei certo.

  2. Fazemos parte de um projeto em nossa igreja,MULHERES DE ORAÇÃO,fiquei sabendo desse projeto pelo nosso jornal a folha universal,e achei que poderiamos fazer parte também desse projeto que só viria a acrescentar.Como fazemos para tê-lo também na nossa iurd.
    CONTINUAREMOS ORANDO POR ESSE PROJETO,E VOCÊS OREM PELO NOSSO. na fé.

  3. Como faço para fazer parte da equipe de voluntários?
    Estou no último período do curso de Serviço Social e amo poder ajudar.

    • Muito interessante eu gostaria de saber como se faz para fazer aprte desse grupo existe este grupo em outras cidades?, pois trabalho em Delegacia de Policia e vejo muitas agressões contra mulhres, Deus que abençoe quem teve essa otima idea de levar a palavra de Jesus no momento bem dificil.

      mariangela Mattos – obreira – Florianopolis -sc

  4. bem tenho 17 anos hoje, quando tinha 14 anos conheci um rapaz 1 ano mais novo q eu, toda vez que brigavamos ele me dava um tapinha e no começo não dava bola, dali em diante tudo pioro dos tapinhas foram as apertos nos braços, tapas maiores é até socos, até q teve um dia que a briga foi mais seria, tinha ja 15 anos quando ele queria sair ai disse que não ele insistiu eu neguei ele ai pegou o meu cabelo me acredito om tapas socos e chutes no rosto e no corpo, sai de perto dele desesperada . no mesmo dia ele me pedio perdo chorou e eu aceitei. mais pensando que ele iria mudar mais não mudou as agreções só pioraram até o dia que desconfiei estar gravida, ali ele me obrigou a tomar um chá obortivo, por que ele dizia que não iriamos aguentar, depois de ter comedito aquele aborto, larguei ele de vez, ai me convidaram para Força Jovem ali encontrei tudo que procurava e hoje ou candidata a Obr, Feliz e com meu grande Amor Jesus. mais algo que queria dixar é que violencia contra mulher existe em qualquer idade e que se voce foi acredida uma vez no espere a situação iora pessa ajuda.

  5. paz do senhor ! quero dar meus parabens a tda a equipe linda maravilhosa deste projeto, que tanto me emocionou, conheci pela tv, e como na minha igreja ( fonte da vida)tambem as terças é o dia da mulher, e eu em casa tbm oro por este movimento naõ poderia de deixar aqui a minha mensagem de admiraçao pelo projeto . que Deus lhes abençoe sempre Regina Quaranta.

  6. Eu gostaria muito que tivesse um grupo de mulheres assim aqui na minha igreja, quantas são as mulheres constantemente abusadas todos os dias e não tem ajuda, ou não procuram por medo?! Deus esta abençoando muito essas mulheres guerreiras que não tem medo de ajudar as que precisam, sei que muitas mulheres já passaram por isso e superaram, sei que posso também. Não quero mais me sentir assim, sei que Deus pode fazer de mim uma MULHER VIRTUOSA!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s